Cotações

    ***** = Obra-prima
    **** = Ótimo
    *** = Bom
    ** = Fraco
    * = Turkey

Outros sites

Histórico

Assine o RSS


O que é isto?

mentiras e verdades em 24 fotogramas ou 29 frames por segundo!

Ao fundir a mente o coração vai junto!

Hoje foi a noite que vi um romance totalmente diferente do que imaginava. Quando vi "Audittion" do Takeshi Miike notei que estava vendo um romance que jamais esquecerei. E para engordar esta nova lista peculiar de "romances estranhos" entra para meu rol este novo filme que quem conta mais é o roteirista Charlie Kaufmann. Tem o diretor chamado Michel Gondry que fez muitos clipes.

"Brilho Eterno de uma mente sem lembranças" traz Jim Carrey tentando apagar da sua memória sua antiga garota (a gordinha KAte Winslet, deliciosa como sempre)e que de acordo com a narrativa fragmentada pela própria memória do autor.

É engraçado imaginar que sempre que este diretor coloca alguém para trabalhar, transparece que todos tenham que ter seus tics e sua cara de depressivo e barba a fazer.

Lá estava o Jim Carrey com jeito de Nerd, sua maneira estranha de andar, seu olhar que vasculha todos os cantos. Como é fragmentado, então por hora os dois se conhecem e por hora se odeiam dentro das corridas no labirinto mental dos dois.

Há planos de Carrey num ambiente e seus contraplanos está em outro lugar que não tem nada a ver, resquícios de memórias que fogem do controle dos amigos que estão no mundo real tentando apagar a garota. Genialidade das vozes dos amigos que estão na realidade, invadindo o "sonho" de Carrey.

Detalhes estranhos como lembranças da infância de CArrey que é criança e homem ao mesmo tempo, ou uma praia com neve. Sobra espaços para citações de Nietzsche e pelas minhas pesquisas aqui,o nome do filme vem do poema de Alexander Pope e outros poemas pela boca de Kirsten Dunst e um final no mínimo mais romântico metafísico que qualquer melacuequice do tipo "Cidade dos Anjos".

Este roteirista que é mais pai do filme que o diretor, fez em parceria com Spike Jonze o "Quero ser John Malkovich" e "Adaptação".
Escrito por Vebis às 02h51 [] [envie esta mensagem]

Contagem regressiva para boa adaptação de HQ para Tela Grande. Juro que estou tentando escrever um texto de pedido de desculpas a 3 filmes que deixei passar batido e são bons. Não comentarei deles agora, mas ainda vou escrever este texto. MAs estou com preguiça mesmo.

Mas hoje surgiu um bom motivo para vir postar algo no blog, o primeiro cartaz do projeto Sin City para cinema. O projeto é grande e não consta um filme apenas pelo que li. O que importa é que tem dedos do Robert Rodrigues (Era uma vez no México) Grana do TArantino (Kill Bill) e algumas atuações que pelo que vi valem a pena.


Escrito por Vebis às 01h59 [] [envie esta mensagem]

[ ver mensagens anteriores ]