Cotações

    ***** = Obra-prima
    **** = Ótimo
    *** = Bom
    ** = Fraco
    * = Turkey

Outros sites

Histórico

Assine o RSS


O que é isto?

mentiras e verdades em 24 fotogramas ou 29 frames por segundo!

Reencarnação. 

Nicole é talentosa, e parece não estar nem aí para o risco da superexposição.  Melhor ainda, ela não teme papéis complexos e polêmicos, emprestando sua fina (finíssima) estampa a filmes que de outro modo dificilmente sairiam do papel ou teriam apelo junto ao público.


Infelizmente, Reencarnação ficará mais famoso pela polêmica que pelo filme em si.  O filme trata de uma mulher que, dez anos depois da morte de seu marido, noiva de outro homem, encontra um garoto que alega ser seu falecido marido.  Claro, ela leva na esportiva, entende como uma piada, e então certos detalhes que supostamente ninguém poderia saber a levam a repensar a possibilidade.


Poderia enverdear para o canhestro, para o cômico, para o sobrenatural.  Mas o diretor consegue manter a história nas raias da seriedade, em um trabalho fora dos padrões atuais.  Cenas longas, silenciosas, música clássica e instrumental extremamente bem utilizada, em uma verdadeira lição de direção - que não teria bons resultados se o elenco não tivesse competência para segurar a onda.  O vagaroso mas irremediavel processo de convencimento de Nicole e sua família é tratado com evidente cuidado, carinho até.


Infelizmente, a necessidade de uma solução/conclusão atrapalha o filme.  Enquanto durante 3/4 do filme deparamo-nos com algo acima da média, ao final a necessidade de explicações e soluções diminui a força do roteiro.  Não arruina o filme, nem é, por si só, ruim, mas desnessário, talvez, o didatismo exagerado.  A última cena, no entanto, tem força suficiente para sobrepujar estes deslizes.


De fato, uma pena que vá ser conhecido apenas como 'o filme em que Nicole e um garoto de 10 anos tomam banho juntos'.  Hipocrisia impressionante, por parte de pessoas que certamente não viram o filme, já que é uma das cenas passadas com duas pessoas em uma banheira menos eróticas que se poderia imaginar - e, ao mesmo tempo, de uma concepção impecável.

Almir (asdf)


Escrito por Vebis Jr, Almir ou Lobo às 10h30 [] [envie esta mensagem]

O HOMEM FODA!

Uma vez li num texto do Alvaro Pereira Jr algo semelhante a "Se morrese, gostaria de nascer Tonny Bennett". Ele está coberto de razão. Mas, ultimamente vendo Shadows, FAces e principalmente a influencia que estes exerceram no Francis quando gravou o casamento da irmã, notei que gostaria de nascer Cassavetes.

Que maestria!

Gostaria também de poder mandar cartas pra todo mundo com este selo abaixo!

Mandaria cartas a esmo!

        


Escrito por Vebis Jr, Almir ou Lobo às 21h57 [] [envie esta mensagem]

O álbum do ano!

Depois que Tori Amos fez uma desgraça musical linda baseada no seu filho abortado, surge para nós, uma mãe prestes a dar luz a gêmeos, e que terá na figura de seu marido, o começo de uma nova era ditatorial.

Algo semelhante ao que a mulher de Nelson Ned deve ter sentido quando este se juntou a elites evangélicas neo-pentecostais!

       

por Vebis Junior

que tem esquecido de nomear suas besteiras!


Escrito por Vebis Jr, Almir ou Lobo às 14h06 [] [envie esta mensagem]

RIDLEY SCOTT FUDEU MEU ALMOÇO!

Maravilha!

Vejo o filme, que de uma certa maneira mexeu e me impressionou, e nas informações que li, o cérebro que o Ray Liotta comeu era frango. Ontem quando ouvi pensei: porra, é claro que é frango...cérebro é que não era mesmo...que informação mais inútil.

Inútil o caralho. Acabei de chegar do mestrado pra almoçar, abro a panela de mistura e são pedacinhos de frango com molho. Até parece que nao me lembrei do cérebro.

   

Porra, olha isso. Parece cubinho de cébrebro                                   Uma panela de uma mistura encantadora

Diz pra mim se agora o filho da puta do Ridley Scott não merece punição anal por ter atrapalhado meu almoço!

 

Por Vebis Jr


Escrito por Vebis Jr, Almir ou Lobo às 15h34 [] [envie esta mensagem]

O Velho mala que marca memória.

Estava lendo um livro dos 100 maiores diretores de cinema do Rubens Ewald Filho, onde em meio a tantos diretores esquecidos e alguns estranhamente creditados, um deles, Ridley Scott foi colocado no quadro destoando algumas boas peças do livro. Aliás, livrinho ruim, viu...ultimamente tenho lido mais coisas interessantes que as que ele escreveu neste livro. Chamar Nicholas Ray de diretor que cumpre obrigações foi de doer a vista e descolar a retina no mesmo momento.

Voltando ao fiocondutor, notei que no mesmo dia que li este livro sentado no vaso sanitário, prática comum de várias pessoas, iria passar na TNT um filme que há tempos tinha resistido. HAnnibal do mesmo Ridley Scott.

Finalmente vi o filme, continuo com minha opinião que os filmes dele que são bons, são resultados de acidentes de modelação de produtora, ainda creio piamente que seu irmão Tony Scott seja mais talentoso, com excessão do último trabalho irritante "Chamas da Vingança". Aliás, tem outras ressalvas, mas lembrei deste citado por ter me irritado muito na sua estética clipesca.

Foto da cena que antecede momento impressionante do filme

Ok, mas por que estou perdendo meu tempo para escrever de um filme que achei ruim?

Simples...o velhote mala não sabe dirigir bem, só que soube impressionar por alguns planos, em especial, quando o personagem do Hopkins tira o tampo da cabeça do Ray Liotta, que sedado fala algumas coisas enquanto seu sangue escorre em fiozinhos melando sua cara! Arrancar um teco do cérebro e fritar e dar na boca do cara pra comer.

Acho que vou levar esta cena por um bom tempo na cabeça! A culpa deste meu lado impressionável, veiode brincadeiras com aaluna de Biologia Renata Grisolli que ficou brincando com o fato de que eu poderia ver um cadáver que os alunos analisam na aula de anatomia.

Nem fudendo. Só de saber que aquele corpo um dia andou, amou e viveu, não quero nem ver tasi invólucros de alma.

                                                         Por Vebis Junior


Escrito por Vebis Jr, Almir ou Lobo às 12h57 [] [envie esta mensagem]

[ ver mensagens anteriores ]